sábado, 14 de julho de 2012

Rolling Stones - Live At The Tokyo Dome [2012]


*Desculpa pessoal, eu ando tão atrasado aqui com o blog que até o Especial do Dia do Rock sai dia 14...

Post Especial Para o Dia do Rock!! \m/


Para o Dia Mundial do Rock eu precisava trazer um post especial e totalmente Rock N' Roll para o Bonde. E assim me chega à mente a pergunta: 'Existe alguma banda mais rock n' roll que os Stones?', tendo a certeza de que não existe, trago hoje um lançamento da banda que está comemorando suas 'bodas de ouro' nesse ano, e que é a banda com maior tempo em atividade da história. 'Live At The Tokyo Dome' é um grande show de rock gravado no Japão em 1990 para uma enlouquecida plateia de 55 mil nipônicos, sendo o cumprimento de uma promessa feita no ano de 1973, quando os caras foram barrados de tocar e assim disseram que voltariam um dia. O áudio está perfeito, totalmente remasterizado e nítido, realmente bem produzido. O show também é histórico por ser um dos últimos com Bill Wyman no baixo, e, sendo assim, temos a formação clássica inteirinha no palco.

A lista de músicas é enorme, variando entre clássicos absolutos e músicas que não eram comumente tocadas, como as da fase psicodélica da carreira da banda, tais como '2000 Light Years From Home' e 'Ruby Tuesday', tendo gerado um ótimo resultado. São tantas músicas que o play passa das duas horas de execução, realmente transportando o ouvinte para a maluca festa que esses caras proporcionam. Destacar alguma música aqui é um pecado, mas vou fazer o que posso para avaliá-las separadamente.
O disco abre com uma trinca mortal que não deixa ninguém parado: a eterna 'Start Me Up', que mostra guitarras tão limpas e brilhantes que hipnotizam; 'Bitch', outro clássico absoluto, diretamente do mais clássico ainda 'Sticky Fingers' de 1971, numa versão bem agitada; e 'Sad Sad Sad', também botando pra quebrar na empolgação. Seguindo, temos a carismática e elaborada 'Miss You', numa versão cheia de feeling. Colada nela temos 'Ruby Tuesday', maravilhosamente bem executada e que puxa os gritos da plateia já em seus acordes iniciais. Mais um clássico eterno é 'Honky Tonk Women', que chega numa execução suingada e com aquela 'levada de malandragem' que só os Stones tem. Seguindo em frente, chegamos numa parte emocionante do show com o mega-hit 'You Can’t Always Get What You Want', que envolve o público e mostra um belo solo de guitarras e teclados. A próxima é 'Can’t Be Seen', com Keith Richards detonando nos vocais. Logo à frente temos mais uma trinca matadora: 'Paint It Black', '2000 Light Years From Home' e 'Sympathy For The Devil'. A primeira das três devo reconhecer que ficou um pouco estranha, talvez por causa da velocidade; a insana '2000 Light Years From Home' ficou muito interessante ao vivo, vale a pena escutar; e a suingada 'Sympathy For The Devil' ficou espetacular. A partir daqui só temos pepitas de ouro, porém eu tenho que falar da trinca final que põe fogo no cabaré: 'Brown Sugar', '(I Can’t Get No) Satisfaction' e 'Jumping Jack Flash' vêm com a mesma energia e empolgação lá do começo do show e servem para lembrar quem realmente são os caras do Rock N' Roll nesse mundo.

Finalizo aqui dedicando um ótimo dia do Rock N' Roll, mesmo sabendo que o dia do Rock N' Roll é todos os dias, e recomendando este excelente disco pra qualquer um que já pensou em gostar desse estilo da música, que na realidade acaba se tornando um estilo de vida, e é claro, para aqueles que já fazem do Rock o seu estilo!

Rolling Stones - Jumpin' Jack Flash (Live At The Tokyo Dome, 1990):

Mick Jagger (Vocal)
Keith Richards (Guitarra)
Ronnie Wood (Guitarra)
Charlie Watts (Bateria)
Bill Wyman (Baixo)

01 – Start Me Up
02 – Bitch
03 – Sad Sad Sad
04 – Harlem Shuffle
05 – Tumbling Dice
06 – Miss You
07 – Ruby Tuesday
08 – Almost Hear You Sigh
09 – Rock And A Hard Place
10 – Mixed Emotions
11 – Honky Tonk Women
12 – Midnight Rambler
13 – You Can’t Always Get What You Want
14 – Can’t Be Seen
15 – Happy
16 – Paint It Black
17 – 2000 Light Years From Home
18 – Sympathy For The Devil
19 – Gimme Shelter
20 – Band Introductions
21 – It’s Only Rock ‘n Roll
22 – Brown Sugar
23 – (I Can’t Get No) Satisfaction
24 – Jumpin' Jack Flash

Cessão

4 comentários:

  1. Link:

    http://turbobit.net/download/free/ghzwn7vkyl67

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. http://rapidgator.net/file/24363295

      Excluir
  2. Buenas! Muito bacana o teu blog... mas como um cara fissurado por música, tenho que te contestar! kkkkk Muito mais velho do que o Rolling Stones é o BB King, na atividade desde o fim dos anos 40. Até onde eu sei, é o rocker há mais tempo em atividade. E se não formos especificamente pelo caminho do Rock, temos o nosso grande orgulho brasileiro de estarmos até no Guinness, com o Demônios da Garoa como a banda mais antiga em atividade NO MUNDO: desde 1943. E com integrantes originais (exceto aqueles que morreram! kkkkk) É isto. Abração e long live the Bonde! kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ôôôôô rapaiz! É uma honra tê-lo por aqui!!!

      Hehehe, quanto as bandas aí já não valem pois não são rockeiros, hehehe... Agora se tu vier me falar em Chuck Berry eu já te digo que ele é um cara só, não uma banda, hahaha!!

      E de qualquer forma existem algumas bandas mais desconhecidas que tem mais tempo de atividade que os Stones, mas assim como os veiculadores da mídia eu tbm gosto de dramatizar um pouco já que os caras estão completando seus 50 anos de estrada, haha...

      Isso aê, chê! Continua visitando e comentando por aqui! Valeu!!!

      Excluir